sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Minha solidariedade ao blog O Pequeno Investidor

Olá investidores,

A essa altura, todos já devem estar sabendo da decisão autoritária, deplorável e ridícula da nossa "querida" CVM a respeito do blog citado. Como jornalista formado, estudante de Contabilidade e futuro graduando em Economia, venho, por meio do meu humilde blog, dizer que sou ABSOLUTAMENTE contra essa medida.

Não conheço pessoalmente o Fábio Portela, não sou amigo dele, porém, sempre acessei o seu espaço e considero-o um dos mais bacanas da nossa blogosfera financeira. Aprendi MUITO lendo os artigos dele, que SEMPRE foram disponibilizados de forma gratuita!

O grande problema, para mim, é que o Fábio não fez absolutamente NADA de errado e foi punido, na minha visão, e na opinião de advogados renomados, como o grande DH, de forma injusta.

Todos nós sabemos que não apenas esse país, mas a sua justiça também é um lixo, porém, estamos correndo um enorme risco de sermos enquadrados também, afinal, não houve critério algum para essa decisão.

Aonde eu quero chegar? Eu quero dar uma palavra de apoio ao Fábio e dizer que, no que depender de mim, eu não vou ficar quieto e continuarei dando as minhas opiniões sobre investimentos, divulgando a minha carteira de ações e muito mais.

A CVM, que é controlada por uma quadrilha disfarçada de partido, que tem um projeto criminoso de perpetuação no poder, NÃO VAI CALAR A MINHA BOCATodo o meu apoio a nossa blogosfera financeira e a liberdade de expressão, embora tenha muita gente querendo acabar com ela.

E quem quiser denunciar o meu blog também, que fique a vontade! Ele não é uma democracia e aqui eu falo o que EU QUISER na hora em que eu quiser. Se você não estiver satisfeito, a porta da rua é a serventia da casa.

Abraços a todos!

29 comentários:

  1. IL,

    Estou 100% do seu lado, e irei replicar aqui o que postei mais cedo no blog do EI:

    *

    Tenho de admitir que não tenho conhecimento a respeito das minúcias da lei, então não posso comentar sobre o respaldo legal para a punição do blogueiro. Mas vamos pensar: qual o efeito prático desta punição? A censura. É evidente que todos os blogueiros devem estar, agora, preocupados sobre o conteúdo de seus próprios posts e irão ter receio de comentar alguma coisa mais específica sobre qualquer empresa. Eu pergunto: isso é positivo para a blogosfera financeira?

    Suponhamos que a CVM tenha agido de acordo com a lei e esteja certa neste caso em específico. A lei, por mais que não tenha sido agredida, na prática, resultou em um cerceamento das liberdades de expressão. E por mais que eu não tenha, como cidadão, direito de descumprir a lei, tenho todo direito de discutir sua eficácia. A lei é feita por homens.

    O blogueiro está sendo punido por analisar valores mobiliários sem possuir certificação para tal? Ok. Então afirmo: acho um completo absurdo que exista uma lei que restrinja a análise de valores mobiliários apenas para quem tenha um certificado, e explico o porquê:

    1) Li um argumento neste post que diz que a lei tem o objetivo de proteger a propriedade privada. Não cabe ao estado proteger literalmente a propriedade de ninguém, cabe ao estado proteger os cidadãos da violação de suas propriedades privadas, e isto é bem diferente. Caso coubesse ao estado proteger o dinheiro dos indivíduos, ele teria de criar leis que proibissem a abertura de empresas sem um plano de negócios sensato; teria de criar leis que proibissem os comerciantes de comprar produtos ruins com baixa demanda que resultariam em prejuízos; teria de alertar os empreendedores a não colocar dinheiro em tecnologias ultrapassadas.

    2) Dizer que restringir a análise de valores mobiliários evita perdas de dinheiro catastróficas é uma tolice. Primeiro, porque evitar perdas de dinheiro é algo que não cabe ao governo fazer. Milhares de empresários perdem fortunas por erros crassos em administração e planejamento todos os anos e não cabe ao governo protegê-los. O prejuízo faz parte do capitalismo. Segundo, este raciocínio parte do princípio de que o analista é responsável pelo resultado financeiro de suas recomendações, e é claro que não é. Vamos pensar: um analista certificado com CNPI recomenda um ativo, e este ativo tem um desempenho desastroso, fazendo seu cliente perder muito dinheiro. Pergunto: o analista terá de arcar financeiramente com o prejuízo? É claro que não. E que resposabilidade é esta que não arca com as consequências de forma literal? Existe uma lacuna entre a recomendação e a compra que só pode ser preenchida com a vontade própria do indivíduo; com o ato voluntário da compra.

    ResponderExcluir
  2. Continuação...

    3) Por que diabos é preciso que haja uma lei para garantir o espaço dos analistas certificados? Ora, se esta certificação realmente é agregadora (e eu tenho lá minhas dúvidas), por que não submetê-la ao teste do mercado? Ou por outra: por que não colocar analistas certificados e não certificados para competirem os clientes seguindo as mesmas regras do mercado? Se o CNPI é realmente bom, então voluntariamente os investidores irão dar preferência à analistas certificados. Se existem investidores procurando cidadãos comuns que fazem análises independentes como o Fábio, então de duas uma: ou temos pouquíssimos analistas certificados, ou os que temos não são muito bons (ou ambas).

    É claro que se a CVM agiu de acordo com a lei, eu não posso refutá-la sobre a base a base legal de sua decisão. Também não posso questioná-la enquanto órgão regulador, pois essa é uma das prerrogativas de sua existência. Mas os efeitos desta punição, estes sim eu posso discutir, e para mim está muito claro que não são positivos para o investidor, não são positivos para os blogueiros, não são positivos para os leitores, não são positivos para ninguém. Ah sim, são positivos para a CVM, que dá um claro recado ao mercado de que para abrir a boca, tem que ter o cursinho de analista monopolizado pela Apimec. E digo ainda: é por essas e outras que temos um dos mercados mais atrasados do mundo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. LCN,

      É isso aí, o seu comentário está absolutamente perfeito. A censura não vai ganhar!

      Abraços.

      Excluir
  3. Respostas
    1. CF,

      O blog O Pequeno Investidor foi absurdamente retirado ar pela CVM.

      Abraços.

      Excluir
    2. Então, tecnicamente ele que se retirou do ar. Mas, não deixa de ser um absurdo...

      Abraço!

      Excluir
    3. DH,

      Perfeito... Em outras palavras, ele foi "convidado" a sair do ar pela nossa super competente CVM.

      Abraços.

      Excluir
  4. "é por essas e outras que temos um dos mercados mais atrasados do mundo."

    Apesar de termos uma das maiores bolsas em termos de valor de mercado, a participação do brasileiro nessa modalidade de investimento ainda é muito baixa.

    Esses blogs que tentam 'abrir a mente' da sociedade e que acredito que são grandes transformadores deveriam agir sem quaisquer tipo de censuras. Talvez uma observação não indicando recomendação de compra/venda de qualquer ativo em todo post já evita todo esse conflito. Ainda que eu seja contra ter que mencionar tal.

    Esse tipo de situação pode abrir precedente para outros casos. Fiquemos de olho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo,

      Exatamente! Daqui a pouco todos os blogs podem ser fechados sem motivo algum pela CVM e assim teremos o fim da blogosfera financeira.

      Abraços.

      Excluir
  5. Off topic: aproveitei a black-friday para fazer meu primeiro aporte na VLID.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uó,

      Parabéns! Ela é uma empresa muito interessante.

      Abraços.

      Excluir
  6. Parabéns pelo post IL3!!!
    Hoje quero mandar a merda: A CVM, o PT o Vaticano e o congresso nacional.
    Não me perguntem por que?

    Abraço
    Bagual

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bagual,

      Obrigado colega! A respeito da sua vontade, ela está 100% correta.

      Abraços.

      Excluir
  7. Se o blog estivesse hospedado em outro pais, ai não teria como repreende-lo?

    fantasticomiseravel

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OFM,

      Não sei, porém, acredito que isso não impediria a punição.

      Abraços.

      Excluir
    2. Haveria sim, porque o Fábio se identifica, é brasileiro, reside no país e seria então responsabilizado aqui no Brasil.

      No entanto, seria bastante difícil punir, por exemplo, um blogueiro da Eslovênia, cujo site está hospedado lá, embora o conteúdo fosse direcionado para os brasileiros.

      O Range Force que teve também as atividades supostamente irregulares suspensas pela CVM não moveu uma palha. Observei que o site atua desde 2007. Assim, ou o blogueiro abriu a conta com informações falsas, o que dificultaria encontrá-lo, ou então o blog está abandonado, ou, ainda, não liga para nada.

      Excluir
    3. DH,

      Entendi, obrigado pelo esclarecimento! Sobre esse Range Force, o blog dele é uma porcaria e tem todo o jeito de estar preocupado apenas em faturar uma graninha.

      O blog do Fábio, ao contrário, sempre disponibilizou conteúdo gratuito e de qualidade.

      Abraços!

      Excluir
  8. Quem sou para julgar o Fábio ou a CVM? Apenas um anônimo que tem uma dúvida a respeito de tudo isto:

    1º - Caso a CVM tenha agido de acordo com a Lei, e cumprido seu dever ( IMPORTANTÍSSIMO) de proteger e regulamentar os mercados.Quem é Fábio Portela ( que em todos os seus posts, diz que não é certificado e por isso não pode sugerir investimentos) à ponto de "pôr em risco"? o nosso querido mercado imobiliário. E no seu dever de Proteger os Mercados, porque não investigar o que já estão ocorrendo no Mercado ao invés de averiguar um possível "risco" que seria o Fábio Portela, exemplificando seria muito mais importante, prioritário o que ? Analisar os artigos do pequeno investidor, ou o que está ocorrendo com os Gerdau"s (GOAU)? que tem agido quase de "má fé" ante ao minoritário? No caso citado mesmo que não achem nenhum crime poderiam tornar pública as conclusões de suas análises, isso sim seria um serviço ao Sr Mercado.

    Ante essa dúvida, minha primeira "resposta" é empírica... gostaria que os Senhores que tem um embasamento muito mais técnico , pudessem fazer a gentileza de responder esse questionamento.
    Grato.
    Nauta.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nauta,

      Para mim a CVM não tem o que fazer e resolveu "mostrar" serviço contra um blogueiro apenas para dizer que eles estão fazendo alguma coisa.

      Ninguém aqui é criança e, como eu falei em outras ocasiões, achei essa atitude deles simplesmente ABSURDA.

      O DH também postou no blog dele sobre o assunto e talvez lá você consiga entender melhor a parte jurídica da coisa.

      Abraços!

      Excluir
  9. Investidor Livre, ótimo post e faço das suas palavras as minhas. Um mercado que já tem pouquíssimo estímulo perde alguém que trabalhava para gerar informação. Tudo na vida tem que ser avaliado se compensa ou não, independente de recomendação.
    A explicação no primeiro comentário do colega lcn exemplifica as contradições perfeitamente. Grande abraço e smp acompanhando.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo,

      Obrigado pelo apoio e comentário! Espero que essa decisão absurda da CVM seja revertida o quanto antes e que o colega Fábio Portela possa voltar a fazer parte da nossa blogosfera financeira.

      Abraços.

      Excluir
  10. Na boa, não penso em voltar a blogar na área de investimentos financeiros não. Muito risco pra ajudar OS OUTROS a ganhar mais com seus investimentos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fábio,

      É uma pena. O seu conhecimento vai fazer muita falta para a blogosfera financeira.

      Abraços.

      Excluir
  11. É de cair o queixo. Meu queixo nunca caiu tanto como em 2015.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. JM,

      As coisas estão complicadas, porém, uma hora a situação vai melhorar.

      Abraços.

      Excluir
  12. Logo estarei de volta, meu caro. Acabei de tirar o CPA-20 e o processo da CVM foi arquivado. Obrigado pelo apoio!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fábio,

      Bacana, muito legal saber disso!

      Volte sim, de preferência o mais rápido possível, que o seu retorno vai engrandecer ainda mais a nossa comunidade.

      Imagine, não precisa agradecer!

      Abraços.

      Excluir
    2. Preciso sim. A comunidade blogueira me deu apoio, salvo um outro, e você esteve entre os que "deram a cara a tapa" por mim. Não será esquecido.

      Grande abraço!!!

      Excluir
    3. Fábio,

      Legal, é gratificante para mim saber que o meu apoio foi tão importante para você.

      Obrigado pelo feedback e sucesso para nós!

      Abraços.

      Excluir